Como Funciona a Famosa Dieta dos Pontos

Como Funciona a Famosa Dieta dos Pontos

A dieta dos pontos ficou famosa no Brasil todo por um simples detalhe: apesar de ser uma dieta, você pode comer o que quiser! É isso mesmo! Seguindo a dieta dos pontos você pode comer o que quiser. Quer dizer, quase tudo. Não são permitidos alimentos que contem a temida gordura trans, a pior das gorduras, a que engorda mais que todas as outras.

Além disso, sugere-se – e não se obriga como no primeiro caso – substituir as massas e pães refinados pelos integrais, pois esses são mais nutritivos e dão maior sensação de saciedade. São as recomendações da dieta dos pontos. A partir daí, você pode comer o que quiser.

Para cada porção de cada alimento é determinado um número de pontos. Cada ponto corresponde a 3,6 calorias. De acordo com a quantidade de quilos que se pretende perder, e o espaço de tempo dedicado para tal, calcula-se a quantidade máxima de pontos para cada pessoa e se inicia a dieta.

Mas como fazer o cálculo para saber quantas calorias se precisa no dia a dia? Você precisa fazer algumas continhas. Aliás, se você pretende seguir a dieta dos pontos, habitue-se a fazer contas! Enfim, para saber quantos pontos você tem direito ao longo do dia você precisa primeiramente descobrir a sua Taxa Metabólica Basal.

Essa taxa é a quantidade de energia que o nosso corpo precisa unicamente para se manter funcionando – fazer o coração bater, o sangue correr pelo corpo, atividades digestivas, respiratórias, etc. Esse número leva em consideração fatores como peso e idade.

A partir daí você multiplica esse valor por um fator de atividade, que vai medir o seu gasto extra de energia, o consumo que você, por suas atividades do dia-a-dia precisa. O resultado obtido é a sua necessidade diária de energia, que nada mais é que a quantidade de calorias que tende a lhe trazer equilíbrio, que não deve lhe fazer engordar, tampouco emagrecer. Dividindo esse valor por 3,6, você consegue o seu limite de pontos.

Mas de nada adianta você ter esse número em mãos e passar todo o período em que se vale da dieta dos pontos atingindo esse teto. Saiba que quanto mais longe você passar do seu teto, mais vai emagrecer.

Você pode estabelecer metas para tentar diminuir esse valor gradualmente, fazendo pequenas substituições na sua alimentação. Troque o bife à parmegiana por um bife grelhado, por exemplo, e ganhará diversos pontos, mas evite usar essa folga para comer um chocolatinho à tarde.

A dieta dos pontos é inteligente e ajuda a pessoa a manter um controle da própria alimentação, mas de nada vai adiantar se o indivíduo trapacear ou não tiver a força de vontade que toda e qualquer dieta requer.

Muita gente tem adicionado alguns suplementos para ajudar no emagrecimento, estes suplementos estão sempre evoluindo com o tempo, atualmente os mais conhecidos são o suplemento emagrecedor quitoplan e o colágeno hidrolisado, consumido por meio da colastrina.

Juntos, estes dois suplementos tem ajudado a centenas de pessoas a emagrecer de forma rápida e eficiente. Lembre deste nomes, quitoplan e colastrina, ambos são excelentes para ajudar no seu objetivo de emagrecimento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *